quinta-feira, 7 de junho de 2007

Programao pra quinta(feriado)

Em primeiro lugar eu gostaria de dedicar esse post a minha eterna sogrinha, Jadde, autora do Confissões de aBaetê. Seu niver foi muito legal!! PARABÉNS!
Bom, começando o post de hoje meus queridos leitores, nada melhor para fazer numa quinta(quan ela é feriado) do que uma redaçao de português, ne?
Como o autor deste blog pensou demais hoje, vou colocar aqui no que eu estava pensando, aliás, nem deu tempo pra pensar no meu plano.
Olha ai o que eu estava fazendo:


Faça de conta que você tem um amigo em Portugal que confia muito em você e que estava pensando em passar uma

temporada no Brasil e talvez até em migrar. Suponha também que, recentemente, ele lhe tenha escrito uma carta dizendo

que está pensando em abandonar tal projeto, em conseqüência das notícias sobre o Brasil que tem lido ultimamente. Para

justificar-se, ele incluiu na carta a seguinte amostra de manchetes, que o impressionaram, publicadas com destaque em

menos de um mês, em um único jornal:

FALTAM ÁGUA, LUZ E TELEFONE NAS ESCOLAS, DIZ PESQUISA DO MINISTÉRIO DA

EDUCAÇÃO (Folha de S. Paulo, 16 de setembro de 1998)

METADE DOS ELEITORES NÃO TÊM 1

O

. GRAU (Folha de S. Paulo, 20 de outubro de 1998)

BRASIL É CAMPEÃO DE CASOS DE DENGUE, LEPRA E LEPTOSPIROSE NAS AMÉRICAS

(Folha de S. Paulo, 21 de setembro de 1998)

MISERÁVEIS SÃO 25 MILHÕES (Folha de S. Paulo, 26 de setembro de 1998)

83% SÃO ANALFABETOS FUNCIONAIS (Folha de S. Paulo, 26 de setembro de 1998)

PARTOS DE MENINAS AUMENTARAM 81% NO RIO (Folha de S. Paulo , 29 de setembro de 1998)

SP DESPEJA NA RUA UM TERÇO DE SEU LIXO (Folha de S. Paulo , 4 de outubro de 1998)

Escreva-lhe uma carta na qual, colocando em discussão as manchetes acima, você tenta convencê-lo de que, apesar

de haver de fato problemas, a imagem que se faz de nosso país, a partir do noticiário, é parcial, e que, portanto,

continua valendo a pena vir para o Brasil.

ATENÇÃO

:

AO ASSINAR A CARTA

,

USE INICIAIS APENAS

,

DE FORMA A NÃO SE IDENTIFICAR

.
___________________________________________________________
REDAÇÃO:
Cuiabá, 10 de novembro de 1998.
Caro Joaquim,
Fiquei muito triste ao receber sua carta, pois você acabou não analisando que
o Brasil é um país subdesenvolvido, e sim como um paqís do primeiro mundo.
Quando li a manchete sobre metade dos eleitores não terem o primeiro grau
completo, percebi que você não está a par dos programas como o FUNDEF(Fu-
ndo de Manutençao e Desenvolvimento do Ensino Fundamental), que reserva
25% da receita dos estados e municípios para serem aplicados em educaçao, o
que reduzirábastante essa taxa.
Você também não deve estar sabendo sobre a criaçao dos remédios genéricos,
uma alternativa de baixo custo para comprar remédios, que irão reduzir bastante
as doenças no Brasil.
O EJA(Escola de Jovens e Adultos), tem como objetivo diminuir o numero de analfabetos funcionais, atrvéz de um ensino diferenciado, onde as matérias são apresentadas de maneira integrada e voltada ao cotidiano do alunos.
A aceleração do processo de globalização, que resultou em uma maior variedade de produtos no mercado, requisitaram propagandas mais chamativas, onde os publicitários usaram a sexualidade e o erotismo como propaganda, ajudou para que os jovens se tornem sexualmente ativos mais cedo. Isso mais a vergonha de comprar ou pegar métodos contraceptivos em postos de saúde, aumentaram a taxa de gravidez na adolescência, não só aqui, mas também em paises do exterior como os Estados Unidos, onde esta taxa aumentou 74% nos últimos cinco anos.
O lixo jogado nas ruas da capital paulista, acaba sendo economicamente e ambientalmente benéficos, pois uma grande parcela desse lixo, que seria destinado à aterros sanitários, é coletado por catadores, gerando renda para eles, e o lixo é encaminhado para reciclagem, o que poupa o meio ambiente e economiza recursos naturais, pois ao invés de ´produzir um novo produto, recicla-se o que já existe.
Então meu caro amigo, espero que você tenha compreendido o outro lado das manchetes, e possa ver que elas serviam apenas para chamar atenção dos leitores.
Atenciosamente,
S.L.B.

2 comentários:

Jadde Amorim disse...

Meu querido genro!!
Que gracinha sua homenagem!!Obrigada mais uma vez viu?!?!!
Vc eh querido por demais!

Ah, eu tbm tive que fazer essa redação rapidão um pouco antes do meu jogo começar aff =p

Ficou muito bom o seu por minha análise rápida ;)

:********

*8)

patricia disse...

vou colocar a minha aqui :D
acho que ficou boa até

Querido amigo,

Recebi a sua carta com as manchetes e gostaria que você lembrasse que o Brasil é um país subdesenvolvido e não de primeiro mundo como Portugal. Que para os problemas na saúde existem os Postos de Saúde com remédios de graça a toda população, para a educação os projetos escolares para diminuir o número de analfabetos funcionais e ensina-los de uma forma diferenciada, da noticia dos partos de meninas adolescentes foi por meio da televisão que jovens se tornam cada vez mais sexualmente ativos e talvez por medo ou vergonha de pegar ou comprar contraceptivos em postos de saúde, fazem com que esses números cresçam mais e mais e por fim a matéria do lixo nas ruas que pode parecer negativo, mas é desse lixo que milhares de catadores sobrevivem, ao mesmo tempo ajudam o meio ambiente.
Lembrando que você pegou todas as manchetes de um mesmo jornal, e as notícias aqui no Brasil são de acordo com os interesses de cada um, alguns jornais aumentam as histórias para ter mais audiência.
Espero que tenha entendido esse outro lado das manchetes que me mandou e que elas foram apenas uma isca para os leitores.
Atenciosamente,
P.P.O


gostei muito de sua redação S.L.B me embasei nela para fazer a minha, obrigada!